11/02/10

Kachíke - Piada


http://guaraniportugues.blogspot.com/http://guaraniportugues.blogspot.com/Kachíke Emperador

(Kachíke é uma figura indígena, caricata, muito difundida no Paraguai, Semelhante ao nosso caipira. Quando vai á cidade tira suas próprias e hilárias conclusões. Poderia ser nosso engraçado Minerim.)
Kachíke niko oho Buenos Airespe omba’apóvo. Ohasa umi ára ha’e ohaí jepi ipehẽnguekuérape.

Peteĩ ára og̃uahẽ isýpe peteĩ kuatiañe’ẽ ha ipype Kachíke omombe’u isymíme oikohague chugui Emperador Buenos Airespe.

Tuicha vy’ángo oiko hógape. Sapy’aite guarã oparupietéma ojekuaa upe mba’e guasuete.

Are rire, peteĩ ko’ẽme, Kachíke og̃uahẽsapy’a hógape. Osẽngo opavavéva ohuvatĩ ichupe. Ovy’ajoaiténgo umi ipehẽnguekuéra.

Ohecharamóvo ichupe umi ipehẽngukuéra ha opavave iñirũ ojapo hikuái ichupe opaichagua vy’aguasu: purahéi, jeroky, káso hamba’e. Péicha avei oiko karu guasu ha oñemboy’u guari tuichaháicha.

Peichahápengo peteĩva oporandu ichupe:

- Mba’eichakuépiko oikókuri ndehegui Emperador.

Ha Kachíke ombohovái:

- Peteĩ ára niko ajuhu che mba’apo pyahurã ha upépe aikévo niko che patrón pyahu he’i chéve:

- Ndehegui oikóta emperador ko ára guive. Péichante.

Oñe’ẽ jevy peteĩ hapicha he’i ichupe:

-Ajépa ndepo’áite. Ha’e... oiko rire ndehegui Emperador piko mba’e rejapo.

Kachíke he’i ichupekuéra:

- Che ambohyru péra, ko’ẽ guive pyhare peve.


Kachíke foi a Buenos Aires para trabalhar. Depois de passado um tempo ele escreveu para seus familiares.
Um dia chegou para sua mãe uma carta e nela Kachíke contava para sua mãe que era e(i)mperador em Buenos Aires,

Foi grande a alegria na casa. Imediatamente já divulgaram para todos a grande notícia.

Passado um tempo, uma manhã, Kachíke chegou a sua casa. Todos saíram para encontrá-lo. Alegraram-se juntos todos os seus familiares.

Ao vê-lo, sua família e todos seus amigos, organizaram uma grande festa com canto, dança, causos e tudo mais. Também um banquete com muita pinga para beber.

E então, um perguntou-lhe.

- Como aconteceu de você virar e(i)mperador?

E Kachíke respondeu:

- Um dia cheguei ao meu novo trabalho e estava lá meu novo chefe e ele disse-me:

- Daqui em diante tu serás e(i)mperador. Exatamente assim.

Falou, outra vez, um amigo e disse-lhe:

- Na verdade tens muita sorte. Depois que ele fez-lhe e(i)mperador, no que trabalhas?

Kachíke disse-lhes:

- Eu acondiciono peras, desde manhã até a noite.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aguyjevete ne ñe'ë. Obrigada pelo teu comentário.