01/03/10

Modo optativo do verbo em guarani.




http://guaraniportugues.blogspot.com/
Cecy Fernandes de Assis
Para fazer o modo optativo dos verbos em guarani usamos os prefixos: Ta, Te, To.
Os prefixos Ta, Te, To dão ao verbo um significado de vontade, mando, desejo e licença.
Este modo tem outros usos que podem se confundir com o subjuntivo ou imperativo.
Toho: Que se vá.
Taguapy: Sentar-me-ei.
Conjugação do verbo areal
Taiporu, tereiporu, toipuru, tajaiporu, toroporu, tapeiporu, taiporu hikuái: Que eu use, usá-lo-ei, que tu uses, que ele use, etc,
Conjugação do verbo chendal
Ta che mandu’a, ta ne mandu’a, ta imandu’a, ta ñane mandu’a, ta ore mandu’a, ta pene mandu’a, ta imandu’a hikuái: Que eu lembre, lembrar-me-ei, que tu lembres, que ele lembre, etc.
  • Em guarani as formas mais usadas são:
Primeira e terceira pessoas do singular e plural.
  • Para indicar as pessoas restantes, pouco usadas, usam-se as formas do imperativo, originando uma conjugação mista.
Tahecha, ehecha, tohecha, jahecha, torohecha, pehecha, tohecha hikuái: Que eu veja, lembrar-me-ei, que tu vejas, que ele veja.
  • Quando preceder um verbo ou complemento direto usa-se Ta.
Mburuvicha ta ne rendu: Que o chefe te ouça.
Antes do pronome ro usa-se to.
Torohecha: Que te veja.
  • A negação é formada com o sufixo ‘ỹ posposta ao verbo.
Topuka’ỹnte: Que não ria.
  • Quando se usam fórmulas do imperativo normal, a negação também é normal.
Ani reho: Não te vás.

Ñe’ẽjoapy - Frases(Frases do livro Guaraní a su alcance: Bartomeu Meliá, Luis Farré, Alfonso Pérez. CEPAG, 1997)
Néi, taike sapy’ami: Bom, vou entrar um pouquinho.
Tove tosẽmi: Deixe que saia um pouco.
Tove taijyvytumi che sako: Deixe que eu areje um pouco meu casaco.
Tapytu’umi ko ne oikẽ jaikehápe, che ama. Vou descansar um pouco em seu portal, minha senhora.
Tupãsy toma’ẽ ñanderehe: Que a Virgem olhe por nós!
Taha mandi avei che: Logo ir-me-ei, também.
Tove katu, tou hikuái: Bom, que venham!
Tapesẽ porãite, che ra’y kuéra: Que saiam muito bem, meus filhos!
Ha’e ta ne rendu, che ama: Que ele te ouça, minha senhora.
Topuka’ỹnte: Que não se ria.
Ani remonda, he’i mburuvicha: Não roubem, disse o chefe.
Nde, mitã, anikéna rejahe’o. Tu, menino, não chores.
Tove toho, tove tou: Deixe que vá, deixe que venha.

Um comentário:

Aguyjevete ne ñe'ë. Obrigada pelo teu comentário.