01/05/11

Mba’apohára ára: 1º jasypo – Dia do trabalhador, 1º de maio

http://guaraniportugues.blogspot.com
/ Dicionário Guarani / Português, Português / Guarani.



Mba’apohára ára: 1º jasypo – Dia do trabalhador, 1º

 de maio

Ohai: David Galeano Olivera
Ler original: http://dgaleanolivera.wordpress.com/dia-del-obrero-guaranime/

Ára 1º jasypo niko Mba’apohára Ára ha oñemomorã haimete opaite tetãme ko yvy ape ári. 
O dia 1º  de maio é o Dia do Trabalhador  e é celebrado em quase todos os países da terra. MENOS NOS USA.
Ko ára ojeporavókuri 1889, París, Franciape, oikórõguare peteĩ Mba’apohára Ava’atyrekoguáva Amandaje, ojegueromandu’ávo umi mba’apohára ojejukava’ekue Chicago, Estados Unidospe, ojerurehaguére poapy aravo omba’apo haguã, ára ha ára, imba’apohápe. Upérõ umi mba’apohára omotenondékuri peteĩ mba’apo’ỹ tuicháva oñepyrũva’ekue ára 1º  jasypo 1886pe; ha upévare ojeporavókuri 1º  jasypo Mba’apohára Árarõ.
A data ficou estabelecida em 1889, em Paris, França; por ocasião do Congresso Trabalhador Socialista, reunido -entre outros- em homenagem aos Mártires de Chicago, Estados Unidos. Executados por reclamar da jornada trabalhista de oito horas, durante uma greve que se iniciou em 1 de maio de 1886. Essa foi a razão pela qual se elegeu o 1º  de maio como Dia do Trabalhador.
Mba’apoharakuéra rembijerure tuichavéva niko pe, ára ha ára, oñemba’apo haguã 8 aravo añónte; oñemoañetévo pe temiandu roky porãite he’íva: “poapy aravo mba’aporã, poapy aravo képe ĝuarã ha poapy aravo ogapýpe ĝuarã”.
Uma das exigências dos trabalhadores foi a jornada trabalhista diária de 8 horas; de maneira a tornar realidade a sábia frase: “oito horas para o trabalho, oito horas para dormir e oito horas para a casa”.
Upérõ oĩva’ekue tapicha omba’apóva 18 aravo hamba’e ha hekorembiguáimava ỹramo katu ohupyty ichupekuéra pe virupe’a tuicha tuicháva.
Havia, então, pessoas que trabalhavam até 18 horas sob um regime de escravidão. O que em sua omissão deviam multas elevadas.
Ary 1886pe, karai Andrew Johnson, USA retã ruvicha; omboguapy kuatiáre mba’apohárakuéra omba’apova’erãha 8 aravo añónte ñavõ ára.
No ano 1886, o Presidente Norte-americano, Andrew Johnson, promulgou a Lei Ingersoll, outorgando as 8 horas de jornada trabalhista diária.
Heta vy’apavẽ mayma mba’apohárape hi’árape!
Felicitações a todos os trabalhadores em seu dia!

Mba’apoguigua temiandu – Reflexões sobre o trabalho
Ñande Ru niko jepe omba’apókuri poteĩ ára ha opytu’u ára pokõiháme.
Até Deus trabalho seis dias e descansou não sétimo.
Nde syva ry’ái rupi ruhupytýta ne rembi’urã ára ha ára.
Com o suor de seu rosto, ganharás o pão de cada dia.
Mba’apo nañande’apo’íri. O trabalho não desonra.
Ndaipóri mba’e ho’areíva yvágagui, oimíva guive jahupytyva’erã mba’apo rupive. Nada cai do céu, tudo se obtém mediante o trabalho.
Oĩramo peteĩ nomba’aposéiva anínte okaru avei. Se alguém não quer trabalhar que tampouco coma.
Omba’apóva añoiténte pe oikuaaporãva opa mba’e repykue.
Apenas quem trabalha conhece o valor real das coisas.
Tapicha omba’apóva po kangy reheve ha’e áva sa’i ombyatýtava hekovépe.
Quem trabalha com mão frouxa será pessoa de escassos recursos.
Opaite mba’e apóre oñehepyme’ẽva’erã hekopete.
Todo trabalho deve ser pago devidamente.
Mba’aporã pore’ŷ, mboriahu ha teko’asy niko heñói hikuái tekojoja’ỹgui.
A falta de trabalho, a pobreza e a miséria tem sua origem na injustiça.
O trabalho jamais deve escravizar a alguém.
Umi hi’a rupive reikuaaporãta peteĩ mba’apohára añetetépe.
Pelos frutos que produzes conhecerás o verdadeiro trabalhador.
Akóinte remba’apova’erã reikokatusérõ. Sempre deves trabalhar para viver dignamente.
Mba’apo ñanemohesãi. O trabalho é saúde.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aguyjevete ne ñe'ë. Obrigada pelo teu comentário.