20/05/12

Ñe’ẽtéva Areko / Verbo / ter.

http://guaraniportugues.blogspot.com/
 Dicionário Guarani / Português, Português / 
Guarani.Cecy Fernandes de ASSIS


Ñe’ẽtéva Areko / Verbo / ter. Os usos do verbo ter com estrutura de verbo chendal usa-se especialmente quando:
 - o sujeito é ha’e/ele ou um substantivo;
- expressar uma qualidade natural ou moral;
 - com as palavras biformes e triformes na forma /h/.
- para indicar posse usa-se o verbo areko/ter.
æ  Ha’e ipyao pyahu. Ele tem sapatos novos.
æ  Hi’a. Tem fruta.
æ  Hi’áva hũ. Ele tem cabelos pretos.
æ  Hogue hovy porã. Tem folhas verdes.
æ  Ipoty sayju. Tem flores amarelas.
b) - Uso de partículas para suprir o verbo ter. Também pode repetir o pronome ou sujeito do verbo ou intercalar as partículas ko/ku ou hína (todas as formas), techapyrã/ex.:
æ  Che che Ava hũ. Tenho o cabelo preto.
æ  Chéku che renda heta. Tenho muitos cavalos.
æ  Chéku che resa hovy. Tenho os olhos azuis.
æ  Ha’éku itajyra kuñataĩ. Ele tem uma filha moça.
æ  Ha’éku pytyvõha. Ele tem ajudante.
æ  Oréku ore rógama. Nós já temos casa.
æ  Aĩ, reĩ, oĩ. Estou/existo, estás, está.
c) - Outras traduções com significado de ter. Pronome + substantivo. Estas construções servem para demonstrar mudanças fisiológicas, tais como: ter fome, ter sede, ter frio, etc, techapyrã/ex.:
æ  Che mbyri’ái. Tenho calor.
æ  Che ñembyahýi. Tenho fome.
æ  Che ro’y. Tenho frio.
æ  Che ropehýi. Tenho sono.
æ  Che y’uhéi. Tenho sede.
æ  Chíkopa ropekýi. Francisco tem sono?
æ  Ha’e iro’yve ndehegui. Ele tem mais frio que tu.
æ  Ha’épa ijy’uhéi. Ele tem sede?
æ  Jastudia hetárõ ñane nembyahýi. Quando estudamos temos fome.
æ  Ko’ãga ndache ropehýi kláse aja. Hoje não tenho sono na aula.
æ  Ñaimérõ komedórpe na ñane ñembyahýri. Quando estamos no quarto não temos fome.
æ  Ndépa iñembyahýi. Tu tens fome?
æ  Orépa ore ro’y. Temos frio?
æ  Rekaru rire na nde y’uhéiri. Depois de comer não sinto fome.
Verbo estar e existir. Podem ser traduzidos por: aĩ, aiko, aime, techapyrã/ex.:
æ  Aiko, reiko, oiko. Estou/moro, estas, está.
æ  Jaiko, reiko, peiko, oikokuéra. Estamos, estamos, estais, estão.
Frases:
æ  Ha’e ndaiporivéima ko’ápe. Ele não mora mais aqui.
æ  Ndaipóripa hína mburuvicha. O chefe não está?
æ  Oĩ porã, iporã. Está bem, é bonita.
æ  Oime ikotýpe. Está no seu quarto.
æ  Oime jeroky hápe. Está no baile.
æ  Oimépa karai Luchi. Está o senhor Lúcio?
æ  Oĩne/oĩkóta arete guasu. Haverá uma grande festa.
æ  Peteĩnte oĩ kuña ko’ápe. Há uma só mulher aqui.
æ  Añeakãngeta, ha upei aiki. Penso, logo existo. René Descartes
æ  Akóinte aime jekupytýpe yvypóra iñaranduvandi, oñe'ẽro che mboyve. Estou sempre de acordo com as pessoas cultas, se elas falarem antes que eu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aguyjevete ne ñe'ë. Obrigada pelo teu comentário.